São Miguel do Oeste - Câmara presta homenagem aos 40 anos da PMRv

Sessão solene foi marcada por entrega da Comenda do 40º Aniversário do Policiamento Rodoviário do Estado de Santa Catarina a parceiros do órgão de segurança.

Por Júnior Recalcati 01/11/2017 - 10:31 hs
Foto: Tiarajú Goldschmidt | Câmara de Vereadores

Os 40 anos de criação da Polícia Militar Rodoviária de Santa Catarina foram lembrados pela Câmara de Vereadores de São Miguel do Oeste em sessão solene realizada na noite desta terça-feira (31). A homenagem, proposta pelo vereador Cláudio Barp (PMDB), foi marcada pela participação maciça de policiais militares, autoridades civis e a comunidade em geral.

Um dos momentos de destaque da sessão foi a entrega da Comenda do 40º Aniversário do Policiamento Rodoviário do Estado de Santa Catarina a pessoas físicas e jurídicas e instituições que “no exercício de suas atividades e por dedicação e capacidade profissional tenham prestado significativa contribuição às causas da segurança pública, notadamente nas rodovias estaduais catarinenses”. As homenagens foram prestadas a autoridades policiais estaduais, de bombeiro militar e das forças armadas; autoridades do Poder Judiciário e do Ministério Público; autoridades do Poder Executivo e Legislativo; bem como personalidades e instituições.

MISSÃO ÁRDUA

O presidente do Legislativo e proponente da sessão solene, vereador Cláudio Barp, afirmou que a missão que os policiais militares rodoviários desenvolvem “é árdua, especialmente pela grande área territorial que está sob sua jurisdição, mas ao mesmo tempo é gratificante o vosso trabalho, pois em muitos momentos conseguem evitar ou socorrer pessoas em casos de acidentes”.

Barp ressaltou que a Polícia Militar Rodoviária tem uma tarefa de orientar, mas se depara muitas vezes com condutores que “esquecem” as regras do trânsito assim que adquirem a permissão para dirigir. “Em muitos casos o policial não é visto como protetor da vida; isto ainda é uma grave falha nos hábitos do cidadão, pois aquele que cumpre os seus deveres não tem o que temer. Os que transgridem as leis e normas, se faz necessário orientá-los e até puni-los, para que não venham a colocar em risco a sua vida e a de outras famílias”, ressaltou o proponente da sessão solene, agradecendo a comenda recebida.

Já o comandante do Comando de Polícia Militar Rodoviária, coronel José Norberto de Souza Filho, falou das dificuldades enfrentadas ao longo do trabalho do órgão de segurança. “Gostaria de relatar a história da Polícia Rodoviária pelos seus homens e mulheres, pela dedicação e perseverança; pelos dias ensolarados e quase insuportáveis de calor, junto ao asfalto fervente, para se posicionar naquele ponto onde ocorrem muitos acidentes; um anônimo frente a milhares que ali passam, e não perceber que aquela simples presença salva vidas; ou aquelas madrugadas intermináveis sob um frio indescritível. Gostaria de contar os feitos de bravura dos guardiões das rodovias, que não encontram estatísticas para justificar seus atos, pois não se contam os acidentes evitados, as pessoas que não se feriram ou não nos deixaram atuação desses servidores”, declarou o coronel.

HISTÓRICO

O Comando de Policiamento Militar Rodoviário do Estado de Santa Catarina teve origem em convênio celebrado em 1976 entre a Secretaria de Estado de Segurança e Informações e a Secretaria de Estado dos Transportes e Obras para a execução do policiamento das rodovias estaduais. No ano seguinte, efetivamente iniciaram as atividades da Polícia Rodoviária Estadual, com a ativação de um pelotão.

Outras datas importantes são a criação da Companhia de Polícia Rodoviária Estadual, em 1979; a ativação da Companhia em 1982; a interiorização dos pelotões em 1999; a instalação da sede própria do comando, em 2002; a alteração nos quadros e denominação, em 2005, acrescentando o 5º, o 6º e o 7º pelotões de polícia rodoviária. No mesmo ano, decreto estadual transforma a Companhia em Guarnição Especial de Polícia Militar Rodoviária. Já em 2007, em comemoração aos 30 anos da PMRv, a Guarnição foi transformada em Batalhão de Polícia Militar Rodoviária, composto por Comando, Subcomando, Estado Maior, Ajudância, Companhia de Comando e Serviço e sete companhias no Estado. Já em 2016 foi criado o Comando de Polícia Militar Rodoviário.

“Atualmente, a Polícia Militar Rodoviária atende mais de 4 mil quilômetros e mais de 251 trechos de rodovias estaduais por intermédio de policiais militares rodoviários que executam o policiamento, prevenindo e reprimindo os atos contrários à segurança pública, proporcionando conforto e comodidade aos usuários das rodovias, assegurando a livre circulação, fiscalizando veículos e passageiros, atendendo e prevenindo acidentes, realizando barreiras policiais e trabalhando na educação para o trânsito. Tudo isso para proporcionar paz e segurança nas nossas rodovias estaduais”, diz o histórico da PMRv.

Fonte: Câmara de Vereadores de São Miguel do Oeste