Oeste em Foco - Facebook
Adiamento!
Saúde de Bolsonaro melhora, mas médicos não definem alta
Bolsonaro passou por uma cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia no dia 28 de janeiro
05/02/2019 18h33
Por: Júnior Recalcati
Fonte: Terra
Reuters
Reuters

O estado de saúde do presidente Jair Bolsonaro melhorou nas últimas 24 horas, segundo boletim desta terça-feira (5) do Hospital Albert Einstein, onde ele está internado, mas a equipe médica ainda não definiu a data da alta do presidente, disse o porta-voz da Presidência, general Otávio Rêgo Barros.

"Bolsonaro permanece internado na unidade semi-intensiva", diz o boletim médico. "Houve melhora do seu estado de saúde nas últimas 24 horas, evoluindo sem dor, afebril e com redução da coleção líquida no abdome."

Segundo o boletim, o presidente "apresentou aumento da movimentação intestinal, o que possibilitou o início de ingestão de líquidos por via oral em associação à nutrição parenteral".

"Os exames laboratoriais apresentam melhora. O paciente segue com antibióticos e dreno no abdome", acrescenta o boletim.

Na noite de domingo, o presidente teve elevação de temperatura (37,3ºC) e alteração de alguns exames laboratoriais, basicamente um aumento de leucócitos, o que levou ao início de um tratamento com antibióticos e adiamento da alta hospitalar para não antes da próxima segunda-feira, informou o porta-voz.

Bolsonaro passou por uma cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia no dia 28 de janeiro, e a previsão inicial era de uma internação de 10 dias.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários