Facig 2019
Grêmio

Grêmio muda e Tardelli ganha sequência

Atacante comemorou titularidade em momento de alterações de Renato Portaluppi

13/09/2019 09h13
Por: Maico Zanotelli
Fonte: Correio do Povo
Lucas Uebel / Grêmio / CP
Lucas Uebel / Grêmio / CP

Brasil para o Athletico Paranaense fez o técnico Renato Portaluppi mudar o time do Grêmio. Seja por opção técnica e tática ou motivo de força maior, nesse caso as lesões, o treinador alterou a fotografia da equipe. E a mudança mais significativa se deu no ataque. Diego Tardelli, a principal contratação da temporada, enfim foi alçado ao time titular, acabando com o anseio da torcida gremista.

“Agora me sinto mais à vontade, do jeito que eu queria estar desde o começo, no nível dos demais jogadores. Venho aproveitando as oportunidades, chegou o momento de retribuir tudo o que o Grêmio depositou em mim”, enfatizou o atacante. A característica do setor ofensivo também passa a ser outra com a entrada de Tardelli. Se antes a equipe atuava com um centroavante mais fixo, agora tem um jogador mais movediço.

“O Renato vem pedindo para eu ser a referência no ataque mesmo não tendo a característica de jogar fixo na área, às vezes posso alternar com o Everton. O treinador quer que eu fique mais próximo do gol, é isso que ele vem pedindo. Não é uma novidade para mim, está tranquilo, já joguei várias vezes ali”, comentou o atacante. 

Contratado em fevereiro, Tardelli demorou a engrenar no Grêmio. E o atleta admitiu que pensou em deixar o clube para voltar à China no meio do ano. “Eu não estava feliz, não conseguia realizar aquilo que pretendia. Pensei, sim, em voltar para a China, para ter a cabeça boa e ficar mais tranquilo. Mas eu recusei a proposta porque não poderia deixar para trás a oportunidade de voltar a jogar no futebol brasileiro e ficar no Grêmio. Eu quero fazer história nesse clube, quero marcar meu nome aqui. Estou feliz e concentrado”, garantiu Tardelli. 

Além do ataque, o setor defensivo também mudou. Mas esse por conta dos problemas médicos. Enquanto o capitão Pedro Geromel não se recuperar de lesão muscular, David Braz assume a titularidade. O problema maior está na lateral direita. Leonardo Gomes só volta em 2020 e Léo Moura está no departamento médico. Rafael Galhardo é a única opção. O Grêmio não descarta buscar um novo jogador para a posição, desde que apareça um negócio de ocasião. 

No domingo, o Tricolor recebe o Goiás, às 16h, na Arena, pela última rodada do primeiro turno do Brasileirão. “Espero que as coisas possam fluir ainda melhor no domingo, agora depende de mim”, acrescenta Tardelli. “Infelizmente deixamos o Brasileiro um pouco de lado, agora estamos sentindo falta dos pontos que ficaram para trás. Temos tudo para fazer um grande segundo turno”, finalizou.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários