WhatsApp
Amistoso

Brasil fica no empate com Senegal

Roberto Firmino abriu o placar para a Seleção, mas equipe africana empatou com Diédhiou

10/10/2019 16h41
Por: Maico Zanotelli
Fonte: Terra
Feline Lim / Reuters
Feline Lim / Reuters

Na manhã desta quinta-feira (10), em partida de caráter amistoso, a Seleção Brasileira enfrentou Senegal no Estádio Nacional de Singapura e a partida acabou empatada por 1 a 1.

Realizando sua centésima partida com a camisa da Seleção, Neymar teve atuação apagada - sobretudo no primeiro tempo - e não conseguiu desenvolver o futebol que se esperava dele. Firmino abriu o placar aos oito minutos de jogo, após boa jogada de Gabriel Jesus. Aos 45, Diédhiou, de pênalti, empatou para Senegal.

Com isso, o Brasil chega a três jogos consecutivos sem vitória - antes, havia empatado em 2 a 2 com a Colômbia e perdido por 1 a 0 para o Peru - sequência essa que não ocorria desde 2013.

A equipe comandada pelo técnico Tite volta a entrar em campo já neste domingo, no mesmo estádio, novamente às 9h (horário de Brasilia), desta vez diante da seleção da Nigéria.

Brasil começa com ritmo forte e não demora para abrir o placar

A equipe comandada por Tite começou com uma marcação alta, pressionando a saída de bola de Senegal e forçando os erros do adversário. Quando tinha a bola nos pés, as jogadas eram sempre pelo lado direito, onde apareciam Gabriel Jesus e Daniel Alves.

Aos oito minutos de jogo, foi justamente por esse lado do campo que saiu o gol brasileiro. Jesus recebeu na ponta, fez boa jogada individual derivando pelo meio e descolou uma grande bola enfiada para Firmino, que entrou fazendo o facão. Frente a frente com o goleiro, o atacante do Liverpool teve calma para dar uma cavadinha e abrir o placar.

Após o tento, a Seleção continuou com um ritmo parecido, mas acabava esbarrando no bloqueio defensivo senegalês e não conseguia finalizar. A equipe africana, por sua vez, aos poucos ia se soltando em busca de um contra-ataque promissor. Aos 18 minutos, em uma das primeiras chances, Gueye arriscou de fora da área e mandou por cima do gol.

Senegal cresce na partida e busca o empate

Realizando sua centésima partida com a Amarelinha, Neymar estava muito apagado e chegou inclusive a errar alguns passes. Com isso, o desempenho ofensivo do Brasil caiu, e Senegal começou a gostar do jogo, chegando a ter maior posse de bola já a partir da metade do primeiro tempo. Aos 25, Mané parou na defesa de Ederson, e aos 38, foi a vez do goleiro brasileiro segurar a tentativa de Diédhiou. Os africanos eram superiores no jogo, e o gol parecia questão de tempo.

Já aos 44 minutos, Mané recebeu pela esquerda, ainda no campo de defesa, e avançou. Após passar por Daniel Alves, o camisa 10 derivou para o meio da área, deu uma caneta em Marquinhos e, na sequência, foi derrubado. O árbitro marcou pênalti, e na cobrança, Diédhiou bateu rasteiro, no canto esquerdo, sem chances para Ederson. Logo na sequência, o Brasil ainda teve a chance de ir para o intervalo em vantagem, mas de dentro da área, Neymar parou no goleiro Gomis.

Na etapa complementar, a Seleção Brasileira continuava no mesmo marasmo, e aos 15 minutos, Tite promoveu a entrada de Everton Cebolinha na vaga de Roberto Firmino. Aos 22, foi a vez de Matheus Henrique entrar no lugar de Arthur, e logo na sequência, em uma das poucas participações que fez no jogo, Neymar cobrou falta com muito perigo.

Em busca de novas alternativas de jogo, Tite começou a mexer mais na equipe, colocando Richarlison no lugar de Coutinho e Renan Lodi na vaga de Alex Sandro. As mudanças, contudo, não surtiram efeito, pois quem criou as melhores chances foi a seleção de Senegal. Aos 39, após boa troca de passes, Sidy Sarr chegou batendo da entrada da área e fez o goleiro Ederson trabalhar bem. Na sequência, foi a vez de Mané finalizar e carimbar a trave brasileira.

Aos 41, o Brasil respondeu com Neymar, que recebeu dentro da área, mas teve o chute bloqueado pela defesa adversária. Logo na sequência, o camisa 10 acionou Richarlison, que da entrada da área, bateu bem, mas a bola saiu à direita do gol. Dai para frente, a Seleção nada criou, e após cinco minutos de acréscimos, a partida acabou mesmo empatada em Singapura.

FICHA TÉCNICA

BRASIL 1 X 1 SENEGAL

Local: Estádio Nacional, em Kallang (Singapura)

Data: 10 de outubro de 2019 (Quinta-feira)

Horário: 9h (de Brasília)

Árbitro: Muhammad Taqi Alliaffari (Singapura)

Público: 20.621 torcedores

Cartões amarelos: Marquinhos e Alex Sandro (Brasil); Kouyaté e Koulibaly (Senegal)

Gols: Brasil: Roberto Firmino, aos oito minutos do primeiro tempo. Senegal: Diédhiou, aos 45 minutos do primeiro tempo.

BRASIL: Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro (Renan Lodi); Casemiro, Arthur (Matheus Henrique), Phillipe Coutinho (Richarlison); Gabriel Jesus, Neymar e Roberto Firmino (Everton)

Técnico: Tite

SENEGAL: Gomis, Gassama, Koulibaly, Sané e Coly; Kouyate (Sidy Sarr), Gueye (Ndiaye) e Diatta; Sarr (Thioub), Mané e Diédhiou (Diallo)

Técnico: Aliou Cissé

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários